Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A mãe imperfeita

Porque a maternidade é difícil. E as mães precisam de rir.

A mãe imperfeita

Porque a maternidade é difícil. E as mães precisam de rir.

02
Dez19

Grupos de mães no Facebook #79

copo menstrual.jpg

E já é Dezembro, as árvores de Natal estão montadas, o espírito solidário invade-nos a todos e as cidades enchem-se de luzes mágicas. É uma pena que alguns cérebros continuem na eterna escuridão.

 

 

1. Olá mamãs. Por aqui uma princesa que começou a sentar-se sozinha aos quatro meses e seis dias e hoje, com oito meses e vinte e um dias, juntou pela primeira vez duas palavras. Estou cada mais fascinada. Mais alguém assim?

 

Olha, deixa-me felicitar-te pela precisão ao nível das datas e dizer-te que as deves começar, desde já, a apontar numa agendazinha. Assim, quando ela terminar a licenciatura em engenharia aeroespacial no Técnico, aos dezasseis anos e catorze dias, é muito mais fácil preencher o europass.

Ou não me digas que, no final de tudo, esses factos relevantes não entram no currículo?

 

 

 

 

2. Estou curiosa com algo... Como é que podemos terminar uma gravidez de forma natural?

 

Com um parto.

 

 

 

 

3. Meninas, preciso de ajuda. A minha menstruação era para ter vindo no meio do mês mas até agora nada. Não tomo nada para não engravidar nem uso preservativo mas fazemos coito interrompido...

 

Amiga, se as crianças neste país fossem baptizadas em homenagem à forma como foram concebidas, as mesas de voto com mais filas não eram as das Marias. Eram as dos jovens chamados "O meu pai tirou antes".

 

(E, antes que me esqueça, parabéns! Já dizia a minha avó que as crianças são sempre uma benção.)

 

 

 

 

4. As meninas de 12 anos podem usar tampões? Não ficam "não virgens"?

 

tampão.jpg

dildo def.jpg

 

Há imagens que valem mil palavras.

 

Agora pensa.

 

 

 

5. Olá mamãs. O que fizeram com o coto umbilical dos vossos bebés?

 

Uma sopa da panela.

 

(Mentiraaaaa, estava a brincar. Achas mesmo que sim? Com tão pouca carne ficava uma boa merdinha de caldo... É óbvio que emoldurei e meti no móvel da entrada. O que é estranho é que cada vez tenho menos visitas em casa e, as que vêm, estão sempre agarradas à barriga como se tivessem medo que eu lhes fosse roubar o apêndice para meter no aparador da sala. Enfim...)

 

 

 

 

6. Olá a todas. Ontem cheguei a casa e coloquei o copo menstrual. Depois, antes de dormir, fiz sexo anal com o meu marido. O problema é que parece que o copo ficou cheio de ar e sinto que aquilo está tudo em vácuo. Será que coloquei o copo muito fundo?

 

Pois, será que colocaste? E será que foi o copo muito para trás ou o teu marido muito para a frente? E isso que sentes será mesmo ar? Ou serão gases? E esse vácuo, o que será realmente? E se for pressão?

Agora que penso nisto, de certeza que há filósofos com a cabeça toda fodida por muito menos.

 

 

 

7. Um teste caseiro para saber se esperamos menino ou menina é fazer chichi para um prato. Se o chichi se inclinar mais para norte é um menino, se mais para sul é uma menina. Conheciam?

 

Hey, quando ensinamos um jogo novo às pessoas é fundamental explicar todas as regras. E assim à primeira vista tu esqueceste-te de três:

 

i. O prato tem que estar assente numa superfície plana;

ii. Para saber para que lado é o norte orienta-te pela estrela polar;

iii. Se o prato transbordar de urina é porque vem aí um lindo casal de gémeos.

 

 

 

 

8. Mamãs, fui a único que depois do parto começou a peidar-se pela Greta? Desculpem lá a expressão...

 

Greta.jpg

 

 

 

 

* Imagens retiradas do Google

14 comentários

Comentar post

Pág. 1/2